A LUTA PELO DIREITO!

Caros amigos vascaínos,

Num momento em que o Vasco, novamente luta por seus direitos, resolvi sair do silêncio de minhas crônicas para tentar manifestar minha opinião sobre o imbróglio vivido nesta final de Taça Guanabara.

Em primeiro lugar temos de dar parabéns a todos os vascaínos de norte a sul do país pela conquista da Taça Guanabara, ao derrotar o rival por 1 x 0.

Infelizmente a torcida só pode entrar a partir do meio da primeira etapa, em virtude da falta de sensibilidade do nosso rival e da justiça, a qual promoveu uma série de decisões completamente equivocadas e bastante duvidosas.

Sempre tendo em mente que decisão judicial deve ser cumprida, mas nunca se ajoelhando ante injustiças e confusões criadas por esta mesma justiça, me parece uma atitude em consonância com a democracia discordar dels!

Vamos tentar colocar os fatos em tela, para que nossos leitores possam ter uma ideia do que penso acerca do assunto!

Num país onde as tradições são massacradas diariamente, o Vasco desde 1950 tem seu lugar assegurado no Maracanã, não por um documento, mas por um acordo feito naquela época e desde aí consagrado pela tradição!

Com a “desconstrução” mafiosa e corrupta do Maracanã, onde até hoje permanecem vários processos sobre as contas e tudo mais, envolvidas na obra, não satisfeitos em mudarem tudo no Maracanã , este foi ofertado à Odebrecht e esta, em 2013, decidiu desobedecer artigos da concessão que asseguravam a manutenção de acordos tradicionais e fez um contrato com o Fluminense.

Neste contrato, a Odebrecht deu o que não poderia dar e negociou o lado direito com o Fluminense, numa clara lesão a artigos da concessão!

Esta lesão aos interesses do Vasco foi facilitada pelo fato de haver um Presidente fraco, que não soube lutar pelos interesses do clube e pelo “oportunismo”da diretoria tricolor naquela época.

Desde aí baseados neste contrato , os tricolores sentavam a direita nos jogos contra o Vasco e parece que por castigo dos deuses do futebol, passaram a perder cada vez para o nosso time , dentro de campo desde aí!

Chegamos ao ano de 2019 e novamente tivemos uma disputa pelo lugar no Maracanã e poderemos ver a seguir que as razões do Vasco são simples e claras.

No contrato do Fluminense com o Consórcio Maracanã, está escrito que o Flu fica no lado direito e quando não tiver o mando de campo terá de entrar em acordo com o adversário para ficar lá. Este é um ponto importante!

No regulamento do Campeonato Carioca há artigo dizendo que as finais serão disputadas apenas no Maracanã, havendo opção do Engenhão, por causa do VAR. Diz ainda que haverá regra para clube mandante dos jogos e que este deverá ocupar o lugar que quiser e ser responsável por todas as iniciativas de segurança do jogo!

Ressaltamos que todos, absolutamente todos os clubes assinaram concordando com o regulamento!

Em sendo assim, qualquer citação ao contrato do tricolor com o Consórcio sobre acordo com o adversário sobre o lado de ocupação de torcida, já está resolvido pois, ao assinar o regulamento o acordo já está realizado, pelo que se lê no regulamento. Se todos aderiram, todos concordam. Claro , límpido e sem direito a subterfúgios!

Ora, o Vasco foi determinado como mandante, comunicou à federação e ao consórcio que ocuparia o lado direito e mais nada restava ao tricolor, além de concordar.

Entretanto, o presidente do Fluminense optou por uma linha absurda de argumentação e premeditadamente , pensando em colher uma liminar mais a frente, deu declarações propositadamente dúbias, convocando sua torcida para a guerra, numa total falta de responsabilidade e na minha opinião cometendo um incitamento a desordem pública.

Até ali não havia a menor chance de tumulto, senão a malfadada intervenção do mandatário Tricolor.

Alegando sua própria torpeza, o mandatário tricolor deu entrada no plantão judicial, sem ter antes feito qualquer petição na justiça esportiva (mais um erro de postura) solicitando que sua torcida ficasse do lado direito.

Conseguindo uma liminar, que certamente será derrubada, quando apreciada no mérito, resolveu estabelecer tumulto no jogo e inclusive pedir para que sua torcida não fosse.

Ainda no plantão a Federação, o Vasco e o Consórcio entraram com recurso e que foi negado pela mesma juíza, que no seu despacho, pasmem, determinou portões fechados. Esta determinação ignorou solenemente que já haviam sido vendidos mais de 21 mil ingressos, numa total falta de compromisso com a segurança do que poderia acontecer e pior decidindo de madrugada de sábado para domingo!

Entretanto, na mesma decisão a juíza dizia que se o Vasco abrisse os portões pagaria multa de 500 mil reais.

Durante a manhã do jogo o Vasco disse que arcaria com a multa e juntamente com a Federação , Maracanã, PM, MP e representante do governo estadual se decidiu pela abertura dos portões.

Se tratava de uma questão de saber ler português a abertura do estádio nestas condições.

Inexplicavelmente o Jecrim se negou a abrir os portões e todo o tumulto posterior foi em decorrência desta atitude.

Após a intervenção do Presidente do Vasco, fazendo ver ao magistrado que estava havendo tumulto do lado de fora do estádio, misteriosamente o Jecrim mandou abrir os portões!!!!!!!!!!!!!

Não podemos concordar com esta atuação da justiça e das pessoas envolvidas.

A matéria julgada era de tribunal esportivo e não poderia ser vista pela Justiça Comum, de acordo coma lei vigente.

Na minha modesta e obviamente parcial visão, nada disto teria acontecido se o Presidente do Fluminense não tivesse dado declarações do teor que deu.

Ao final, vimos o Vasco lutar o tempo todo, por ter jogo, ter torcida e do outro lado a defesa de não ter torcida, fechando portões !

Parabéns ao justo Campeão da Taça Guanabara e parabéns para a postura do clube , neste episódio!

Saudações vascaínas.

Sobre jolucave

Sou médico ortopedista , casado, carioca e vascaíno
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

3 respostas para A LUTA PELO DIREITO!

  1. Sérgio Luis Durço Maciel disse:

    Uma alegria poder contar novamente com seus brilhants comentários. Grande abraço.

  2. Flavio Ramalho disse:

    Jorge, o Basquete do Vasco tem acabar, não dá para trazer uma chuva de processos e não ter um patrocínio sequer. O Bial de técnico se quando novo, já era péssimo, certamente não melhorou nada. O pouco dinheiro do futebol indo pelo ralo, depois vamos lamentar mais uma jovem promessa da base indo embora, para pagar um PATÉTICO TIME DE BASQUETE, que será rebaixado.

    Saudações Cruzmaltinas

    • jolucave disse:

      Mesmo pensando que vc está completamente equivocado e talvez desinformado acerca da situações que envolveram o basquete do Vasco, registro que sua observação foi recebida com o devido respeito!
      Grande abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s