O PACIENTE ESTÁ FEBRIL

Caros amigos vascaínos

O paciente teve ligeira melhora, porém ainda está febril. Esta manhã o time até que foi razoável no primeiro tempo, entretanto no segundo foi muito mal!

Analisando friamente a partida, o que o Vasco demonstrou de pequena melhora foi devido a fraqueza do  adversário.

No segundo tempo , mesmo com as substituições, o time piorou e me pareceu que os jogadores que entraram estavam mais cansados que aqueles que já estavam em campo!

Vendo outros jogos de times do  nosso nível, noto que estes times conseguem, mesmo sem jogadores de nome,  ir ao ataque, enquanto que o Vasco irritantemente chega no meio de campo e atrasa a bola para a defesa!

O que eu estou vendo é que a tática usada no Carioca está ficando, se já não ficou obsoleta.

Tem de acontecer mudança tática e até de jogadores para dar uma mexida no time!

Análise dos jogadores:

Martim Silva: Duas ou três grandes defesas, mantendo uma reposição de bola péssima!

Madson: Está com o péssimo vício de ser preguiçoso e se jogar no chão após ganhar a jogada. Não jogou nada hoje!

Luan: Hoje nervoso, atabalhoado, mas depois melhorou.

Rodrigo: Estava bem até começar a falhar no segundo tempo e se perturbou um pouco na defesa.

Christiano: Fez sua melhor partida no Vasco. Deu dois gols para os atacantes (que fizeram conclusões ridículas) e ainda deu um chute a gol no primeiro tempo muito perigoso.

Serginho: Horrível, péssimo, acho que não tem adjetivo suficiente. Nào sabe dar um passe de um metro!

Lucas: Entrou e em nada mudou o jogo.

Guinazu: Melhor do time, com muita raça, tentando tudo.

Julio Santos: Mais uma partida em que o paraguaio ANDOU EM CAMPO! Está roubando direto na gíria boleira e por causa da baixa de produção do Madson, nem passe acerta mais.

J. Clay : Entrou e nada fez.

Dagoberto;  Boa partida, mas está perdido no meio de tanta gente se escondendo do jogo. Deu um chute perigoso que quase foi gol.

Rafael Silva: Perdeu dois gols feitos e recebeu um pênalti que passou desapercebido por muitos. Hoje voltou a pipocar em todas as divididas.

Bernardo: Ridículo, pavoroso, não ganhou uma bola, não conseguiu um drible. Pior de tudo entrou faltando  uns vinte minutos e saiu exausto. Parei com ele.

Gilberto: Partida ridícula, perdendo dois gols feitos e ainda se achando a ponto de reclamar dos companheiros. Vê se cai na real e seja mais humilde jogue mais bola e faça gols!

Doriva: Pouco pode fazer frente as dificuldades da partida. Penso que deve tomar atitude de mudar o esquema e os jogadores, pois a fórmula está secando! Chega de Bernardo, Serginho e outras coisas que nada acrescentam!

Na quarta tem jogo pela Copa do Brasil contra o “poderoso” Cuiabá e espero um pouco mais de brio do time dentro de casa, fazendo por onde ganhar a partida.

Lembro que sábado a noite é contra o Inter em SJ. Que se use o jogo contra o Cuiabá para mudar algo!

Saudações vascaínas!

Sobre jolucave

Sou médico ortopedista , casado, carioca e vascaíno
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para O PACIENTE ESTÁ FEBRIL

  1. Sérgio Luis Durço Maciel disse:

    Meu filho falou que o Doriva, para economizar para o Vasco, deveria levar para o banco de reservas apenas o Bernardo e o John Cley, um outro volante qualquer e um goleiro só para eventualidade do Martin se machucar já que não sai da mesmice nas substituições. Precisamos de alguém no meio que faça essa bola chegar com qualidade e não temos esse homem, embora dois já tenham sido contratados com essa finalidade e até agora nem os vimos jogar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s