O PACIENTE AINDA RESPIRA…

Caros amigos vascaínos,

 

Depois de cerca de dez dias sem escrever nada sobre o Vasco, me animei a postar alguma coisa, mesmo que sem aquela certeza de que poderemos escapar da degola do Brasileirão.

Neste tempo em que fiquei sem escrever, algumas coisas aconteceram e vou citar algumas:

1) O cronista deste site se desligou do grupo Cruzada Vascaína, desejando muitas felicidades aos colegas e ao grupo em geral.

2) Com enorme atraso, revelando aprofunda incompetência que domina o clube, finalmente o tosco Dorival Junior foi mandado embora, e mais uma vez vai abiscoitar uma indenização polpuda, baseada no trabalho ruim que fez!

3) Contrataram o Adilson Batista para carregar o fardo que é este time do Vasco , até  o final do ano.

4)Nem bem conseguiram as certidões e mais uma decisão judicial penhorou a grana da Caixa!

5) O germano veio a público contar uma nova história sobre os goleiros do Vasco! Qual a verdadeira, a nova ou a velha!!!?????

 

Com a chegada do Adilson, completamente fora de sintonia com o elenco, ele foi abastecido de informações pelo Juninho, pelo auxiliar Jorge Luiz e certamente pelo valoroso Banana em pessoa.

O que mudou? A maior mudança foi que a maioria dos jogadores que abertamente estavam fazendo corpo mole para derrubar o Dorival, resolveu correr um pouquinho!

Pela escalação do time, pudemos notar que o Adilson foi mal assessorado, e acabou por total desconhecimento do elenco, escalando algumas malas.

Na decisão  sobre o goleiro, tirando o Michel Alves, qualquer um que entre vai falhar e ponto.

Não podendo escalar nem o Nei e nem o Sandro Silva, o Vasco se viu muito reforçado por estas duas ausências!

Na escalação do meio de campo a entrada do Wendel, certamente foi garantida pelo amigo da França, e certamente será um grande reforço sua ausência causada pelo terceiro cartão, não podendo atuar contra o Santos. Não há como se dar mais chances a este chupa sangue, que não corre e só se preocupa caras e bocas dentro de campo!

No ataque, a escalação do Francismar certamente foi influência externa, mas acabou pesando pouco no time.

No início da partida, o Vasco estava muito nervoso , assim como o Juninho, e este acabou saindo com 18 minutos, alegando dor na coxa. No seu ligar entrou o Abuda, com a missão de marcar o Alex, no campo todo. Neste ponto vimos a primeira diferença importante entre os técnicos. O atual sai caçando o armador adversário e isto surtiu efeito!

O reaparecimento do Edmilson foi bom e ele levava sempre perigo ao gol curitibano. Gostaria muito de ver o Thales ao seu lado no ataque!

Numa cobrança de falta da lateral da área de ataque o Marlone colocou a bola na cabeça do Edmilson e este marcou o primeiro gol da partida.

Antes do primeiro tempo terminar o Alessandro fez grande defesa, embora bem esquisita!

Veio o segundo tempo e o Adilson me surpreendeu negativamente ao colocar o Renato silva no lugar do Francismar. Ele assumiu uma postura de time pequeno e recuou o time. Além disso, foi mal assessorado e deixou o R. Silva  (muito lento) fazendo a função de coberturas de velocidade, enquanto deixava o Jomar( muito mais rápido) preso dentro da área.

Com esta modificação o Vasco ficava a espera de contra ataques, com um Edmilson que vinha de contusão muscular e com o Marlone que não era tão veloz assim.

Porém, a noite era do Vasco e numa bobeada da defesa do Coritiba, muito bem aproveitada pelos dribles do Marlone, este foi até o fim e da linha de fundo cruzou para que o Edmilson fizesse o segundo gol!

Logo após, em jogada de Yotun, Pedro Ken perdeu gol feito, ao chegar atrasado na conclusão.

Aos 36 do segundo tempo levamos um gol bobo em falha da defesa , houve alguma pressão do adversário , mas acabamos ganhado importantes três pontos nesta caminhada de tentar evitar o rebaixamento!

 

Alessandro: Fez duas boas defesas e não teve culpa no gol

Fagner: era uma boa saída de bola, marcou melhor e saiu no fim sentindo a coxa!

Jomar: Boa partida, com a disposição de sempre. Estava mal colocado no lance do gol.

Cris: O de sempre, ou seja, chutões, gritando com todo mundo e jogando  pouco.

Yotun: Fez boa partida ofensivamente e até na defesa não comprometeu.

Pedro Ken: muita luta , pouca técnica.

Wendel: O de sempre, ou seja, muito teatro, pouca movimentação, se omitindo sempre que possível.

Juninho: Ficou dezoito minutos em campo e só.

Francismar: Uma piada, só pode ser mesmo peixada! Bem sacado da equipe.

Edmilson: Excelente volta, com dois gols.

Abuda: Muito bem na marcação sobre o Alex. Com a bola no pé nada fez.

R. Silva: Entrou fora de posição, mas demonstrou uma grande disposição de ajudar, mesmo fora de posição.

Reginaldo: Correu, se esforçou, mas não joga nada!

Marlone: O nome do jogo. De seus pés nasceram as duas jogadas de gol do Vasco! Entretanto, deveria ser mais constante na partida. Dentro de campo, por vezes some do jogo e anda em campo, porém é um defeito fácil de ser corrigido! Desta vez se empregou e não ficou de moleza em campo!

Adilson Batista: Meio traído na escalação por seus observadores. Não gostei da entrada do R. Silva, mas mal ou bem deu certo. Vamos esperar esta evolução de escalações!

 

Depois de vários resultados favoráveis neste fim de semana, esperamos que o Vasco ganhe do Santos, no próximo domingo, para manter acesa a chama da esperança dos vascaínos!

Não é impossível, mas está muito difícil a missão do Vasco. Espero que nossa torcida coloque mais de 70 mil pessoas no Maraca no domingo e empurre a caravela adiante!

Sem dúvida o paciente está no CTI, mas ainda respira por tubos e os médicos começam a ter esperanças! Vamos salvar este paciente torcida, somente vocês podem fazer isto!

Saudações Vascaínas

 

Sobre jolucave

Sou médico ortopedista , casado, carioca e vascaíno
Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

9 respostas para O PACIENTE AINDA RESPIRA…

  1. Adoro seus textos, é um prazer ler sua coluna!

    Um abraço!

  2. Sérgio Luis Durço Maciel disse:

    Certamente por eu ter sido sempre muito ruim de bola, muito embora gostasse de jogar uma peladinha nos meus tempos de colégio, não tenho o discernimento para analisar a parte técnica dos jogadores como vejo que o colega tem. Muito embora com essas limitações gostaria de fazer algumas observações e pedir sua análise para me dizer no que estou errando. Particularmente, gosto do Sandro Silva porque o acho um jogador técnico e de bom toque de bola. No tocante ao Francimar, fez uma ótima partida contra o Fluminense (na minha opinião) e tem um bom chute de longa distância. Acho apenas que entrou num momento ruim para todo o time e a pressão tem-lo feito errar muito, mas acho que pode vir a dar caldo no futuro. Quanto ao Wendel concordo inteiramente. E aí o que o amigo acha? Como disse sou só um torcedor sem conhecimento e capacidade de analisar tecnicamente os jogadores. Gostaria de lhe pedir para dentro do que falei sobre o Sandro Silva e Francimar me dissesse se estou totalmente errado quanto a esses dois jogadores.

    • jolucave disse:

      Sérgio,
      Principalmente no futebol não há verdade absoluta , há opinião deste ou daquele.
      Realmente o Sandro Silva tem algumas qualidades, porém dificilmente coloca elas a serviço do time, além de ter uma preguiça infernal para marcar os adversários, preferindo fazer faltas. Para esta posição gosto de jogadores com mais dinâmica e movimentação , se multiplicando a frente da zaga e dando passes corretos, mantendo a posse de bola.
      Quanto ao Francismar, leva contra ele o fato de ter sido dispensado de outros clubes com a pecha de ser beberrão e não levar a sério o futebol. Jogou pouco e mal contra o Coritiba. Realmente contra o Flu mandou uma na trave, mas na verdade ficou solto o jogo todo e não fez a diferença!
      Como disse antes estas colocações são opiniões e as do companheiro são tão merecedoras de crédito quanto as minhas. As vezes é questão de enxergar a mesma realidade popr óculos diferentes.
      [ ]s.

      • Sérgio Luis Durço Maciel disse:

        Valeu amigo. Realmente tem coisas que a gente desconhece como a do Francismar ter dificuldade com o álcool, mas gostei de sua análise e gosto de ler seus comentários. Vou passar a analisar o Sandro Silva nas particularidades que você mencionou. Grande abraço e continue nos brindando com seus comentários e principalmente na análise técnica e tática das partidas. Um dia eu ainda aprendo rsrsr.

  3. Z disse:

    Sua opinião é a única importante neste oceano de M q é a “representatividade” vascaína na internet.
    Depois queria sua opinião sobre o incidente da nossa “torcida” no aeroporto.
    Apesar do alívio do domingo, vejo a tabela e sigo sem esperança.
    Vejo sua saída da CV com profundo desânimo.
    Grande abc.

    • jolucave disse:

      Achei covardia mais de quinze cercar o unico jogador que deu a csra a tapa

      • Z disse:

        Mas é exatamente isso. Covardia.
        Para o Dinamite, os cravos da galera dos fóruns.
        Esse Vasco aí nem o Dr conhece. O Roberto conseguiu transformar tudo em pó.

  4. Z disse:

    Sua saída da Cruzada me parece sintomática

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s