TROCA DAS CADEIRAS. AH! COMO O TEMPO PASSA!

Caros amigos vascaínos,

Estamos vendo uma modorrenta repetição de histórias no Vasco, porém com uma mudança dos personagens. O tempo passa e nós todos vemos protagonista virar antagonista e vice-versa! O show de vaidades continua a desfilar em SJ e somente o Vasco perde, somente o clube é prejudicado.
Desde há muito tempo vemos no Vasco a indústria de liminares ser a alavanca para A, B ou C conseguir 15 minutos de luzes e holofotes da imprensa, sempre pensando muito mais no próprio ego do que real interesse em resolver as coisas do clube.
Na época do Eurico na presidência era o MUV que fazia estardalhaços com qualquer coisa que apuravam, antes mesmo de saber se tinha alguma base factual. O pessoal da seita Casaquista metia o pau e chamavam os integrantes do MUV de anti-Vasco e por aí vai!
O tempo passou, o tempo voou e nem a poupança Bamerindus resistiu numa boa! Os Casaquistas adquiriram a forma dos que tanto odiavam e hoje fazem o mesmo tipo de trabalho, em busca de liminares que o MUV fazia. Interessante é que trocaram de posição sem nenhum pudor e caíram de corpo e alma no canto da sereia dos escândalos, que antes tanto criticavam.
Entretanto, tem sempre um entretanto, conseguimos ver um ponto de união entre o MUV de ontem e o Casaca de hoje e este ponto reside exatamente no Autor da ação que tramita contra as eleições do clube! Mais interessante ainda é que este Autor parece sofrer de um mal camaleônico, pois não consegue se fixar numa corrente política do Vasco! Mudar por convencimento, tudo bem, porém mudar a toda hora me parece pouco recomendável!
Penso que liminares pouco valem, pois frequentemente são suspensas , antes do julgamento do mérito e na verdade tumultuam a vida do clube, muito mais do que ajudam a consertar algo!
Da minha parte eu veria legitimidade da ação se o Autor pertencesse a um grupo político que tivesse participado da eleição e não de um grupo que se apequenou, correu e fugiu do pleito!
Lamento também que o Autor da ação tenha dito em entrevistas por aí, que este foi o pleito mais fraudado da história do Vasco! Gostaria sinceramente que ele viesse a público dizer quais foram os outros, pois sua afirmação foi comparativa. Seria importante mais responsabilidade de todos nestas entrevistas.
Creio que a justiça irá resolver adequadamente esta querela e espero que se a eleição for anulada tenhamos o concurso de todos os candidatos, sem haver nova corrida acovardada dos casaquistas em cima da hora!
Outra coisa interessante é que foi só sair a liminar e figuras que só aparecem na época das eleições saíram do ostracismo e começaram a dar opiniões e pedir novas eleições. Haja oportunismo, haja cara de pau!
Na eleição anulada que acabou dando chance ao Roberto sair Presidente do clube, eu vi, ninguém me contou, uma pessoa votar do meu lado sem estar com o nome em nenhuma lista, assinando num papel em separado! Se isto foi apenas um erro de execução ou se foi mal feito eu não posso afirmar, porém esta foi realmente anulada.
Na eleição do ano passado aconteceram muitos problemas com a lista dos votantes antes das eleições e parece que a liminar é sobre este aspecto, porém no dia da eleição houve uma organização que eu nunca havia presenciado antes em SJ, sem dar margem a qualquer manipulação de boca de urna!
A opinião do colunista é que sejam apuradas na justiça todas as dúvidas, é evidente que não concordo com qualquer possível mal feito nas eleições, porém se ficar comprovado que eram denúncias vazias, visando tumultuar o ambiente, seria bom que o quadro social prestasse a atenção aos personagens de sempre e tratasse de esquecê-los eternamente!

No jogo de domingo eu percebi, mais uma vez, determinada situação se repetir, que muito me lembrou outra do passado.
Quando o Geovani chegou para os juniores do Vasco o técnico da época, Júlio Cesar Leal, tentou de tudo para convencer o meia para jogar na posição de quarto homem de meio de campo, devido a sua facilidade de driblar e de chutar a gol. Seria um verdadeiro camisa dez. Porém, o Geovani nunca aceitou tal posição, dizendo não ficar a vontade naquela faixa de campo! Quando foi profissional, sempre que jogou mais adiantado, nosso Geovani fazia gols e decidia jogos, além de continuar dando passes maravilhosos para os companheiros.
A mesmíssima coisa acontece com o Juninho. Jogando onde gosta, ou seja, mais atrás no meio de campo, sua produção não é tão boa como poderia ser, muito por causa de sua lentidão e característica de carregar a bola em excesso antes dos passes. Durante os jogos , quando ele joga mais adiantado fica muito mais perigoso, pois tem um excelente chute, cobra faltas muito bem e não precisa se desgastar no combate do meio de campo! Infelizmente, ele não quer e não gosta de jogar mais a frente! Uma pena!

Eu vejo determinados dirigentes apresentarem muitas dificuldades quando ficam frente a frente com um microfone.
Nosso patrocínio, Eletrobrás, já demonstrou ser completamente inexequível no momento atual do Vasco. Não conseguimos as tais certidões e o dinheiro para sair é sempre através de atalhos judiciais, com Sindicato dos trabalhadores de Clubes envolvido, gerando atrasos de salários e criando situações que já não deveriam existir no Vasco!
Portanto, não vejo como dizer que o patrocínio é bom, como o Vice de Finanças Nelson Rocha falou em entrevista.
O fato é que o Vasco perdeu dois patrocínios da camisa, por razões até hoje não reveladas e mantém um capenga como patrocínio máster!
As datas de término dos patrocínios eram conhecidas, os problemas do patrocínio da Eletrobrás eram conhecidos e a diretoria foi ineficiente para resolvê-los a tempo, gerando mais uma vez marketing extremamente negativo para o clube!

Sendo assim, nós vemos ser repetida a dança das cadeiras com trocas dos personagens, porém com a manutenção dos mesmos problemas! Quem tivesse entrado em sono letárgico há cerca de quatro anos e acordasse hoje, ao ler as manchetes dos jornais sobre os salários do Vasco estaria pensando que nada tinha mudado neste tempo todo!!!!!!!!!!!
Esperamos que as trocas das cadeiras acabe e que o Vasco consiga tomar seu rumo vitorioso de vez, sem que os vaidosos da hora possam perturbar o caminho da Caravela!

Saudações vascaínas!

Sobre jolucave

Sou médico ortopedista , casado, carioca e vascaíno
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s