AMBIÇÃO E FALTA DE AMBIÇÃO

Caros amigos vascaínos,
Eu penso, que nesta última quinta-feira, perdemos pontos preciosos para o desgaste físico e mental de dois jogos anteriores revestidos de grande carga emocional.
Em primeiro lugar a justa AMBIÇÃO de querer ser campeão em duas frentes distintas nos colocou frente a um dilema de ter que optar por uma delas em momento mais dramático! Eu pensava que teríamos problemas de cansaço físico e mental contra o Botafogo, mas errei e o desgaste foi sentido contra o Palmeiras.
Pudemos ver um Vasco completamente esgotado e sem forças para continuar mandando no jogo no segundo tempo e sem reação depois do gol adversário.
Entretanto, se por um lado nossa justa AMBIÇÃO nos colocou em uma difícil encruzilhada, por outro lado a FALTA DE AMBIÇÃO e experiência de nosso treinador foi fatal no segundo tempo da partida desta quinta.
Antes da partida o Cristóvão andou anunciando que iria mudar o esquema, depois não mudou e o time mandou no jogo no primeiro tempo, perdendo cerca de três chances importantes, uma com Diego Sousa e outras duas com o pouco inteligente Eder (chutando mal, mesmo tendo dois companheiros livres na área).
Todavia, era visível que o time perdeu pegada nos minutos finais do primeiro tempo e o treineiro não percebeu.
A questão principal da escalação do Diego Sousa não é se ele está ou não satisfeito de jogar ali e sim na falta de alguém para tabelar e jogar com ele. No intervalo o Cristóvão deveria ter tirado o Eder, muito mal, e colocado o Bernardo ou mesmo o Elton, para ajudar o Diego! Ele não fez isso!
Outro ponto reside no fato de que o Felipe, embora maior responsável pelas nossas jogadas de ataque (mesmo no segundo tempo) andava em campo, completamente batido fisicamente, abrindo espaços ao Palmeiras.
Devemos ainda ressaltar que mesmo com todos estes problemas, perdemos dois gols feitos, o juiz não marcou um pênalti claro e o Bernardo perdeu uma bola dominada dentro da área para o goleiro adversário.
Sem dúvida nenhuma, a inexperiência do seu técnico está marcando o Vasco duramente neste final de certame!
Creio que o paradoxo da AMBIÇÃO ganhar duas competições ao mesmo tempo esteja sendo uma antítese da FALTA DE AMBIÇÃO de seu técnico iniciante.
Resta-nos segurar a esperança e a torcida para que os resultados aconteçam de maneira favorável e não tenhamos duas decepções ao final de um ano que parecia tão bom do meio para frente!
Certamente que os grandes desafios marcam os grandes homens e torço sinceramente para o Cristóvão supere suas deficiências e consiga marcar sua passagem pelo Vasco com duas conquistas históricas e penso que para isto ele precise prestar mais a atenção ao que os jogadores peçam em campo, o que demorou muito a acontecer nesta última quinta!
Que entrem com tudo contra o Avaí e que a Zebra visite São Paulo neste domingo próximo!
Saudações Vascaínas

Sobre jolucave

Sou médico ortopedista , casado, carioca e vascaíno
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s